Olho azul pirâmide

Se tem um negócio e está nestas andanças do digital, então tem bastante que fazer e percorrer. Uma das melhores formas de se manter inspirado(a) com novas ideias, manter-se ao corrente das tendências da indústria e colher informação importante é ao estar atento ao que a sua concorrência faz.

Ter dados sobre a concorrência é uma boa forma de descobrir onde está agora, assim para onde quer ir.

  • Quem é a sua concorrência principal?
  • Quais são as forças e fraquezas deles?
  • Como pode tirar partido delas para sua vantagem?

À medida que cada vez mais pessoas fazem compras de produtos ou serviços online, a sua presença, e o tempo e esforço que investe nela, tem de ser gerido de forma eficaz. Para tal eis algumas maneiras de saber exatamente o que eles estão a fazer ao espiar a concorrencia.

Começar a análise

Sabe quem é a sua concorrência principal? Talvez conheça alguns, mas há outros que apareceram recentemente que ainda não se apercebeu?

Manter-se ao corrente dos novos “jogadores” que entram no mercado é importante para saber o que eles estão a fazer e o que poderão fazer de seguida.

Páginas Amarelas
Experimente procurar nas páginas amarelas pela sua concorrência. Pode procurar por nome, indústria e local para obter resultados de outras empresas que podem ser suas concorrentes.

Google Trends

Pesquisa no Google
Comece com uma pesquisa no Google sobre a sua indústria.

Que negócios aparecem melhor posicionados relativamente ao seu? Com o ênfase que o Google dá a resultados locais, poderão haver negócios locais que aparecem próximos do seu nome.

Google portugal

Após ter definido quem é a concorrência, está na altura de encontrar o que é que eles estão a fazer.

  • Que palavras-chave estão a usar para se posicionar?
  • Que conteúdo estão a criar para levar tráfego para o website deles?
  • O que é importante para eles, pedidos de contacto, receita ou envolvimento?

Poderá descobrir esta informação (e mais) ao seguir estes métodos.

Espreite o website deles

Quando começar a investigar o website da concorrência, tenha isto em mente.

  • Que palavras-chave estão eles a usar nas páginas para otimizar para os motores de busca?
  • Que tipo de conteúdo colocam para atrair visitantes ao site?
  • Qual é a mensagem ou ideia principal dos seus melhores produtos ou serviços?
  • Quem é o público-alvo deles?
  • O que torna a sua empresa diferente da deles?
  • Eles têm um blogue? Se sim, sobre o que é que eles escrevem?
  • Consegue inscrever-se na lista de newsletter deles?
  • Que tipo de ofertas eles apresentam aos visitantes? É algo apelativo? Eis um exemplo do que oferecemos na agência.
  • Como é o website deles? É fácil de navegar?
  • Há mudanças que gostaria de fazer ao seu próprio website como resultado do que andou a ver?

Investigar outros websites dá-lhe uma perceção geral do que os outros estão a fazer, e quão bem (ou não) o estão a fazer.

Tendo agora uma ideia de quem é a concorrência e que tipo de website têm, está na altura de vasculhar nos bastidores. Experimente estas ferramentas para investigar a fundo os websites seus concorrentes e descobrir como os pode vencer no posicionamento dos motores de busca, satisfação do cliente e visitantes para o seu website.

Ao investigar a este nível, é recomendado que use uma janela privada no seu browser para que ninguém perceba o que está a fazer e haja o mínimo de traços possíveis de arraste.

Use estas ferramentas de espião

NOTE:Algumas ferramentas como KeywordSpy, SpyFu ou iSpionage podem não funcionar diretamente em Portugal, no entanto poderá investigar a nível internacional e aplicar os seus conhecimentos de espião no mercado nacional.

1. Mais pesquisas Google
Em vez de pesquisar pela sua indústria, desta vez escreva o nome do seu concorrente. O objetivo é saber quanto é que eles têm e controlam de espaço online.

Se a primeira página está carregada com resultados deles, seja com endereços do website deles, ou do Facebook ou outros sítios onde o concorrente foi mencionado, você fica com uma idea de que eles estão com um posicionamento decente.

Enquanto faz as suas pesquisas google, escreva também algumas keywords relacionadas com o seu produto e público alvo e veja o que aparece.

Se a concorrência está posiconada lá no topo, debaixo dos anúncios pagos, então saiba que estão a pagar bom dinheiro para se manterem lá (a nível orgânico). Isto mostra que pode ser altura de repensar e aprofundar os seus esforços nesta área.

Analise tambémn as listagens orgânicas que aparecem debaixo dos anúncios pagos do Google (leia o que significa orgânico e pago). Quem é que lá aparece? A sua empresa está na página um ou dois? Isto pode mostrar quão grande tem de ser a volta que a sua estratégia de palavras-chave tem de levar.

2. Google Trends
O Google Trends (tendências) é uma ferramenta gratuita da Google que permite explorar as tendências. Pode usá-la para procurar pelos produtos ou serviços na sua indústria.

Clique em “Explorar em detalhe”, no fundo da página, para experimentar palavras e frases que acha que poderiam ser de interesse na sua indústria ou para a concorrência. Pode decidir escolher os seus tópicos ou siga os tópics que aparecem no ecrã.

Google Trends

3. Google Alerts
Google Alerts (alertas) é uma ferramenta de análise que o notifica quando um dos seus concorrentes é mencionado online. Isto é possível através da inserção duma palavra que corresponde ao nome do concorrente. Além de usar isto para saber o que faz a sua concorrência ou o que os outros escrevem sobre eles, use isto também para adicionar a sua empresa e manter-se a par daquilo que as pessoas dizem e escrevem sobre si.

Google alerts

4. Alexa
Ao escrever o endereço do concorrente no campo de pesquisa da Alexa, poderá ver que sites estão posicionados relativamente ao dele, assim como outros dados que poderá analisar, tais como palavras-chave em que o seu concorrente está posicionado e websites que têm ligação para o website.

Alexa homepage

5. Compete
Descubra no Compete de onde é que os visitantes do seu concorrente original, nomeadamente os vistantes únicos que eles recebem e como estão a usar as redes sociais.

Compete

6. SpyFy
O Spyfu é um serviço pago mas permite investigar as keywords que os seus concorrentes estão a usar.

Spy fu homepage

7. KeywordSpy
Se quer saber quanto o seu concorrente está a gastar em PPC (pay-per-click) e anúncios na internet, é no KeywordSpy que poderá fazer isso. Esta plataforma tem as keywords, posicionamento das mesmas, e texto dos anúncios.

KeywordSpy

8. iSpionage
Ao colocar o endereço do website (seu, concorrente, ou outro qualquer), o iSpionage mostra as palavras-chave e anúncios que esses sites têm a decorrer em anúncios online nas plataformas do Google Adwords, Bing Ads e Yahoo ads, além de alguma informação a nível de SEO (Search Engine Optimization). Existem contas pagas e gratuitas, sendo que mesmo numa conta gratuita poderá necessitar de fazer registo para obter mais resultados.

iSpionage home

9. Internet Archive
Para saber as mudanças (por vezes interessantes) no design que um certo website teve ao longo do tempo use o Internet Archive. Com ele consegue perceber como evoluiu a estratégia visual e de marketing durante o tempo em que o seu concorrente tem presença na internet. Espreite como é que eles mudaram as páginas, conteúdo, preço ou produtos ao longo do tempo.

Internet Archive

10. Domain Tools
Saiba quem é o(a) dono(a) dum endereço ou domínio específico com o Domain Tools. Aqui obterá informação de contactos, links a apontar ou dum website e outros domínios controlados pela mesma entidade.

DomainTools

11. SEO book
Na ferramente de comparação deste website pode comparar o seu website com o de outros. Escreva o seu endereço e o SEO Book apresentará os dados do seu website no que toca a títulos da página, meta tags, frases e palavras chave que tenham em comum.

SEO book comparação website

12. Open Site Explorer
Mantido pela empresa Moz, o Open Site Explorer tem uma versão gratuita e outra paga. Mesmo na versão gratuita, tem acesso a vários dados, tais como saber o posicionamento da concorrência a nível de autoridade de página, autoridade de domínio, quem liga (linka) para eles, o total de links e outros dados do género.

OpenSite Explorer

13. Einforma
A Einforma é uma diretoria muito acessível e navegável, com uma grande lista de empresas em que pode encontrar vários dados das mesmas. Pode ter acesso a 5 relatórios gratuitos.

Einforma

14. Portal da Justiça
Na pesquisa do Portal da Justiça tem acesso a um recurso do Estado onde pode pesquisar por diferentes tipos de dados (NIF, entidade, etc) e encontrar informações detalhadas sobre os constituintes das empresas.

Pesquisa Portal da Justiça

Após escolher algumas destas ferramentas, estará mais que preparado(a) para encontrar informação valiosa sobre a sua concorrência (ou mesmo sobre quaisquer outros websites).

Está na altura de nos virarmos para as redes sociais.

Redes Sociais

Uma boa maneira de descobrir o que a concorrência está a fazer é encontrá-los nas redes sociais. Espreite as páginas Facebook delas, as feeds do Twitter, os círculos Google+, a página LinkedIn e outras palataformas onde possam estar, ativos ou não ativos.

Eles têm presença nas principais plataformas? Se têm, estão bem feitas e geridas? Que tipo de design ou visuais eles usam e que informação eles apresentam sobre a empresa para o público?

O número de fãs não é tudo, mas tome nota do número que eles têm. Os fãs parecem estar envolvidos com a empresa, fazem comentários nas publicações destes?

Que tipo de conteúdos eles colocam? Quão frequentemente, para que redes socais e em que alturas do dias eles o fazem? Sente-se inspirado com ideias para os seus próprios conteúdos ao investigar o deles (espero que sim).

Estão a usar outros sites como o Pinterest, o Instagram e o Youtube para melhor comercializar e espalhar a mensagem dos produtos e serviços que eles têm?

Vasculhar as plataformas sociais onde os seus concorrentes estão é uma boa forma forma de descobrir como é que eles se apresentam no mercado e para com o seu público-alvo. Que outras formas é que pode ter ou usar para investigar mais sobre a sua concorrência?

Quem é que eles recrutam?

Saiba o que é que eles têm planeado para o futuro ao descobrir quem é que estão a contratar e porquê. Para isto, o LinkedIn é uma boa ferramenta pois permite saber quem está a trabalhar para quem.

Como dica bónus, contrate os empregados dos seus concorrentes para saber mais sobre o que é que andam a fazer, desde que não tente saber mais do que aquilo que é civil ou legal (como por exemplo alguma cláusula de confidencialidade).

Ao dar uma vista de olhos na sua concorrência, os websites destes, analisar os seus dados, percorrer as redes sociais onde estão e investigar a estratégia de palavras chave deles, o que mais há para fazer?

Há que chegue para todos

O mercado é grande o suficiente para todos. Isto não é uma afirmação banal de “positivismo” ou “o universo conspira para me ajudar”, mas sim que há suficiente para todos nós fazermos negócio e até fazer amizades com a concorrência. Experimente mencioná-los em publicações que faça no Facebook, ou no Google+ ou Twitter. O pior que pode acontecer é nada, e o melhor que pode acontecer é eles serem recíprocos e fazerem o mesmo para consigo.

Obter o respeito e admiração da sua concorrência é uma das vantagens de ser uma boa pessoa, uma boa marca, um bom profissional. No entanto não se desleixe com a sua investigação, para saber exatamente o que está a fazer. Amigos, amigos…

E agora

Tendo a informação deste artigo à sua disposição, pode sentar-se, com calma e começar a pensar e analisar onde começar e o que fazer.

Seja objetivo e analise a sua própria presença online sem julgamentos de valor ou tendenciosos para saber como pode melhorar.

  • Como é que vai mudar e melhorar a sua estratégia de palavras chave para ganhar vantagem?
  • Há algumas mudanças que precisa para tornar o seu website mais acessível para os utilizadores?
  • Porque é que não aparece bem posicionado nos motores de busca e o que pode fazer em relação a isso?

Perceber o seu lugar no mercado pode ser desencorajador ao princípio, mas também pode ser motivador e uma boa maneira de melhorar a visão da sua empresa. Contacte alguém que saiba o que está a fazer para analisar a informação compilada e dar-lhe uma opinião não-tendenciosa.

Tire partido dos pontos fracos da concorrência. Se eles são melhores em certas áreas, o que é que aprendeu sobre eles que pode implementar na sua própria estratégia? Há-de haver alguma coisa que o torna a si único na sua indústria, tome nota do que é e tire partido disso enquanto re-analisa e monta a sua estratégia.

P.S.
É aceitável pesquisar e investigar a sua concorrência. Ganhar superioridade analítica e estratégica em marketing online é a sua obrigação para aproveitar o que puder, incluindo informação sobre contra quem é que se está a defrontar e o que precisa fazer para ser melhor do que eles são.


Deixar uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

clear formPost comment