O que é uma landing page

Uma landing page (página de destino) é uma página feita para captar os dados do visitante por via dum formulário.

São os resultados que diferenciam aquilo que é uma landing page, de qualquer outra página no site, porque são páginas web em tópicos específicos que recebem e convertem visitantes em leads e em vendas.

Uma landing page é uma página feita para captar os dados do visitante.

O objetivo é ir para além da beleza estética e certificarmo-nos que todos os elementos apropriados aparecem corretamente em cada página. Iremos falar sobre isto, assim como explicar que elementos testar (e porquê), de forma a aumentar o seu retorno ao investimento (ROI).

Landing page

Uma landing page é uma página web onde as pessoas “aterram”. É uma página num website concebida com um propósito específico.

landing page

O objetivo é limitar as opções que o visitante tem quando chega à landing page, de forma a direcioná-lo para um objetivo claro. Por isso é que as landing pages não têm (normalmente) navegação, para não haver distrações.

Existem 2 tipos de landing pages:

  1. Landing pages de geração de leads, que têm o objetivo de direcionar o visitante para se inscrever numa newsletter ou preencher um formulário, normalmente em troca dum incentivo, como um ebook gratuito, um guia, ou outro.
  2. Landing pages de click-through, que “aquecem” o visitante, dando informação sobre o produto, e só depois os direciona para uma outra página com o produto ou serviço à venda.
landing page de geração de leads

1. Exemplo de landing page de geração de leads (tem formulário)

landing page de click-through

2. Exemplo de landing page de “click-through” (não tem formulário)

É para a landing page que você deve apontar os seus anúncios e links de marketing. A pessoa clica num anúncio ou num link e aterra na sua landing page.

Anúncio Facebook a promover ebook

Ao clicar no anúncio o utilizador “aterra” numa landing page a oferecer o ebook.

As landing pages devem estar otimizadas para conversões, o que significa que as pessoas que envia para estas páginas devem-se converter, ou em registos ou em vendas. Maiores conversões = maiores resultados para o seu negócio.

Uma estratégia de marketing online deve incorporar funis e landing pages.

Eis porque precisa de (mais) landing pages

Empresas que passaram de 10 para 15 landing pages, viram um aumento de 55% na sua geração de leads, isto segundo um estudo que envolveu sete mil empresas.

Quanto mais landing pages tiver (de qualidade), mais resultados irá obter, de forma exponencial. Mas as landing pages não existem em vácuo, elas fazem parte dum sistema que deve funcionar em sintonia. Uma landing page é normalmente usada em funis de vendas.

1424695904_ktipFunil é o processo pela qual as pessoas passam para comprar um dos seus produtos, ou para se inscrever na sua newsletter ou formulário. Ver também Funil de Vendas Facebook.

Como funcionam as landing pages

Uma landing page faz parte dum sistema.

Uma pessoa vê uma Call to Actionapelo/chamada de ação (CTA), ou seja, um link no seu website, email, ou anúncio, e aterra lá por uma razão específica.

Na página, a informação é apresentada de acordo com a mesma Call to Action que gerou o interesse inicial.

Ou seja, se o link ou anúncio mostra “Como ter uns dentes perfeitos”, a landing page deverá ter a mesma frase algures na copy (no título, subtítulo ou corpo de texto). A isto chama-se “message match”, ou seja, correspondência de mensagem.

Anuncio para landing page

“Message Match” – anúncio é semelhante a landing page

Após algo acontecer na landing page, por exemplo, o visitante preenche um formulário, ele é direcionado para uma thank you page, uma página que agradece ao visitante por ele ter tomado algum tipo de ação (registo ou venda) na página anterior (a landing page).

É na thank you page que se pode colocar mais informação. Por exemplo, pode informar a pessoa de quantos emails em média irá receber, assim como apresentar links para as redes sociais da empresa ou até apresentar outras ofertas.

Página de obrigado de Maria Forleo

Exemplo duma thank you page.

Benefícios das landing pages

As landing pages proporcionam a oportunidade de aumentar a especificidade do conteúdo, que pode ajudar nos resultados de pesquisa orgânica (SEO), para certos temas que são mais específicos (nicho).

O desempenho do pay-per-click (PPC) também pode ser maior se corresponder a mensagem do anúncio com a mensagem que apresenta na sua landing page, porque isto proporciona uma boa experiência ao utilizador.

ilustração avião de papel

O tipo de landing pages que se foque em vendas, têm o benefício de poder apresentar mais informação e usar o storytelling e proposta única de valor, que possam persuadir o visitante a comprar.

Esta informação pode vir na forma de mais texto, imagens ou vídeo a mostrar o produto ou serviço em uso, assim como mostrar indicadores de credibilidade, como testemunhos, certificados, prémios e emblemas.

Por fim, as landing pages permitem ainda fazer experiências, os chamados testes A/B ou de multivariáveis. Basicamente, pode testar variações de landing pages para perceber qual tem melhor desempenho, ou testar demos do produto ou formas de mostrar que o seu serviço é melhor que o da concorrência.

Landing pages testes A/B

Devem-se fazer testes A/B para saber desempenho.

Fazer testes e experiências nas landing pages pode ajudar a revelar o que funciona e o que não funciona, e pode depois usar essa informação para o resto do seu site e materiais de marketing e branding.

Sabendo o que são landing pages e porque se devem usar, vamos agora ver o que constitui uma boa landing page.

5 componentes duma boa landing page

Quer seja uma página para gerar leads para a sua clínica, agência, ou produto na sua loja online, tudo começa com uma boa landing page, e por isso é necessário saber os componentes que constituem uma boa landing page.

1. Design da página

A página deve ser livre de distrações. As pessoas foram para a sua landing page por alguma razão. A sua página deve ter apenas um objetivo: que o visitante se converta, quer isso seja uma venda ou registo.

Landing page sem menus

Landing page sem menus e distrações

Assim sendo, uma landing page não deve ter distrações: coisas como menus, muitos botões, barras laterais e outros devem ser removidos, para que o visitante se concentre em se registar no formulário ou fazer a compra.

Remova links desnecessários e menu de navegação para que o utilizador se foque naquilo que é importante na página. Ao reduzir as opções que ele tem disponíveis, ele irá tomar a ação que queremos que ele tome. Reduza a confusão, prefira a simplicidade.

Pode ser aceitável adicionar alguns links, se necessário, mas lembre-se que o objetivo é manter as coisas simples e livres de distrações, para limitar as opções disponíveis. Por exemplo, com um menu de navegação, o visitante vai para outra parte do seu website, deixando a landing page para trás.

2. Título e proposta de valor

O objetivo do título é que a pessoa leia o subtítulo a imagem ou vídeo na landing page expande a proposição de valor ao mostrar ao visitante aquilo que ele(a) pode obter como resultado . O objetivo do subtítulo é que a pessoa leia o corpo de texto, sendo que o objetivo final é que o visitante se converta em lead ou cliente.

Landing page título

Importante um bom título e proposta de valor numa landing page

Um título é uma proposta de valor disfarçada. O objetivo é comunicar aquilo que o seu produto ou serviço faz de forma clara e sintética, de maneira a que se foque nos benefícios e destaque o seu valor.

1424695904_ktipProposta de valor é aquilo que você transmite às pessoas como fator que as faz escolher entre si ou outra empresa.

Pense no que as pessoas ganham com o seu produto ou serviço. Qual é o resultado final, os benefícios que dai tiram. Sumarize isso com um estudo de caso ou testemunho dum cliente satisfeito, que ajuda a gerar credibilidade na landing page e na sua oferta.

3. Imagens e vídeo

Uma imagem ou vídeo na landing page expande a proposição de valor ao mostrar ao visitante aquilo que ele(a) pode obter como resultado de usar o seu produto ou serviço.

Imagem ou vídeo na landing page

Landing page imagem ou vídeo (hero shot)

Pense nalguns dos melhores anúncios que já viu, como anúncios de automóveis, onde o carro desliza pelas curvas da montanha com confiança e segurança, parecendo que conquista o cenário facilmente.

Incluir imagens apelativas ou vídeos inspiracionais ajudam a tornar o intangível concreto. Nem sempre é fácil de explicar, apenas no texto, como é que os seus serviços ou produtos beneficiam as pessoas. Mas ao usar elementos visuais consegue transmitir melhor o seu valor.

4. Calls-to-action

Calls-to-action (chamadas ou apelos à ação) devem ser grandes, e dar vontade de clicar. Deve ser óbvio para o seu visitante que é ali que ele deve clicar, ou é aquela ação que ele deve tomar (preencher formulário ou comprar).

Botão call to action na landing page

Landing page call to action (chamada à ação)

Se houver mais do que uma CTA (call to action) na página, o design deve diferenciar entre a ação principal que quer que alguém faça na página, de outra qualquer ação secundária. A ação principal a tomar deve ser maior e ter mais destaque; a secundária pode ser mais pequena ou ser um link de texto (em vez de um botão).

5. Indicadores de credibilidade

A sua oferta tem valor, mas como transmitir isso às pessoas?

A melhor forma de gerar credibilidade é usar validação externa de terceiros. Isto porque qualquer pessoa pode falar bem do produto ou serviço dela, mas é quando outras pessoas recomendam o produto que este se torna mais credível.

Landing page testemunho

Coloque testemunhos, prémios e certificados na sua landing page

Inclua testemunhos e comentários positivos de clientes que mostrem às outras pessoas os benefícios que estes tiveram. Coloque logótipos de clientes com os quais trabalha, prémios que ganhou, certificados que obteve ou estudos de caso que mostram como o cliente ficou melhor ao usar o seu produto ou serviço.

Se estiver em vários locais, pode usar isso para sua vantagem ao mostrar o número de clientes e sítios onde a sua empresa tem representação.

Testar a landing page: como e porquê

Já tem a sua landing page, e agora quer começar a testá-la com testes A/B.

Landing page testes A/B

Landing page testes A/B

Testar e otimizar é altamente recomendado, mas cuidado. Testar depende do contexto. Antes de ir a correr para testar a cor dos seus botões ou do seu título, tem primeiro de perceber isto:

  • Quem está a visitar esta landing page?
  • De onde é que eles estão a vir?

O meio promocional (fonte da visita) tem impacto naquilo que vai querer que a pessoa faça na página, e o que vai querer testar com isso. Ter isto em conta, irá dar-lhe um entendimento de como a sua landing page deverá parecer.

Com isso, eis alguns elementos que pode testar.

Testar layout

Saber “quem” e “Onde” ajuda a guiar as decisões estruturais da página, como é o caso do layout que a landing page terá.

Testar layout página

Suponha que o visitante tem uma certa perceção da sua marca. Você sabe isso, porque esta pessoa é subscritora da sua newsletter já faz um tempo e têm alguma familiaridade consigo.

Isto significa que o melhor a fazer para esta pessoa é criar uma página curta, sem rodeios. Você não quer parecer demasiado esperto no seu copywriting ao tentar vender demasiado, quando a pessoa provavelmente já está meio-vendida.

Eles já conhecem a sua marca e confiam em si. Um pedido para ação na forma duma pergunta ou oferta direta poderá ser o suficiente. Ou seja, uma landing page curta chega para estas pessoas.

Agora compare o que estivemos a falar com alguém que vem duma campanha de Adwords, que não sabem nada ou quase nada da sua marca e não tem ideia de quem você é. Eles não sabem se o seu produto ou serviço é bom ou não.

Estas pessoas precisam duma landing page longa. Podem estar mais interessados em vídeos e mais testemunhos de clientes satisfeitos e informação que apoie o facto de que o seu produto faz aquilo que diz que faz.

Testar a mensagem

Escusado será dizer que é importante saber com quem está a falar, se quiser testar a mensagem e copy da sua landing page. Pessoas diferentes vão ter motivações e interesses diferentes em relação à mensagem transmitida, mesmo que façam parte da mesma empresa.

Testar mensagem

Num negócio B2B, você pode estar a lidar com:

  • o engenheiro-chefe
  • o responsável de marketing
  • ou o próprio CEO

O engenheiro vai-se focar nas especificações e caraterísticas; o(a) marketer em saber como ter mais tráfego para o website e leads geradas; e o CEO só quer saber de quanto vai faturar, não quer saber de especificações técnicas nem de visitantes.

A mensagem e a copy nestas landing pages deve estar criada dependendo de para quem se destina a página.

Testar o tom

Títulos são importantes porque podem captar (ou desligar) a atenção da pessoa, mas o “tom” que é usado é igualmente importante.

Quanto mais perceção alguém tem numa marca (ou mais confiança em si), mais você se pode focar naquilo que alguém pode ganhar como resultado de usar o seu produto ou serviço.

Testar tom

Normalmente as empresas são boas a transmitir uma mensagem positiva. No entanto, uma mensagem negativa tende a ter mais impacto, porque as pessoas têm mais medo de perder algo, do que ganhar algo. Isto é especialmente importante no início, quando o visitante no website tem menos perceção da sua marca.

[bctt tweet=”as pessoas têm mais medo de perder algo, do que ganhar algo”]

Mostrar uma mensagem negativa pode ser um aviso para as pessoas se protegerem duma ameaça externa ou ajudá-las a resolver erros internos que estejam a fazer na vida delas.

Concentrar-se naquilo que as pessoas podem estar a perder ou naquilo que elas já estão a perder é um motivador potente, porque capta a atenção de pessoas que não têm tanta perceção de quem você é ou o que faz.

Testar visuais

Os visuais que está a usar na sua landing page podem impactar bastante as suas conversões.

Testar Visuais

A primeira coisa a fazer é abandonar as “stock photos”, ou seja, as fotos dos bancos de dados de imagem, aquelas fotos que parece que já viu centenas de vezes em outros sites.

Crie as suas próprias imagens, design ou procure em sites que tenham fotos profissionais que não tenham sido muito usadas.

Os vídeos são igualmente importantes. Estes requerem uma combinação cuidada de script, mensagem, luz, som e pós-produção. Se quer criar vídeo, use um profissional.

Testar Call-to-action (chamada à ação)

Analise os tipos de call to action que está a usar na sua landing page.

Testar call to action

Se estiver a usar uma landing page que contenha um formulário, quantos campos é que precisa? Quanto mais pequeno for o formulário (menos campos), mais conversões terá. Por outro lado, se está a tentar captar uma lead para vendas, então talvez ter mais campos num formulário ajudará a qualificar (ou desqualificar) a lead.

Uma chamada à ação deve ser simples e óbvia, tendo cuidado com a linguagem usada. Palavras como “submeter” podem ter uma conotação negativa (vem da palavra “submissão”).

E em vez de usar uma palavra ou duas, como “enviar”, use algo mais ativo e em primeira pessoa, algo como “quero isto” ou “descarregar agora”.

A sua landing page tem um propósito?

Os websites hoje em dia não devem ser estáticos, não devem ser um panfleto online. Eles existem por uma razão, e normalmente é para gerar perceção da sua marca, captar leads e interagir (e fechar) novos clientes.

landing-page-com-euro

As landing pages são uma componente essencial do seu marketing, pois mostram uma oferta específica a um segmento de pessoas específicas. Uma landing page pode informar, motivar, persuadir e entreter um visitante ao apresentar a solução ideal para o problema dele.

1424695904_ktipVer também: Porquê landing pages?

Se quer bons resultados, comece a criar mais landing pages. Faça uso das dicas e informação apresentada neste artigo.

Depois, para testar e otimizar a sua landing page, tenha uma visão geral de quem vem ao seu website e de onde é que eles estão a vir. Saber a jornada do consumidor (buyer’s journey) do princípio ao fim irá ajudá-lo(a) a tomar boas decisões naquilo que deve criar, testar e otimizar em cada página.

E agora

Use a informação neste artigo para criar as suas landing pages. Em dúvida peça ajuda a um profissional. Na nossa agência criamos landing pages para clientes, contacte-nos e vamos ver se somos uma boa escolha para trabalharmos juntos.


Deixar uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

clear formPost comment