facebook compensa

Medir o retorno dos seus esforços Facebook pode não ser um exercício tão simples quanto isso. Há muitas variáveis a ter em conta, e métricos dos quais são difíceis de analisar a fundo.

Por exemplo, suponhamos que é hora de almoço e o Ricardo vê uma publicação facebook dum belo bacalhau à brás da página “Cantinho do Zé”, que é um restaurante novo na zona. Ele sugere a um colega dele irem lá experimentar o bacalhau e acabam por gastar os dois €24 (€12 cada almoço).

Mesmo que a publicação que o Cantinho do Zé tenha tido pouco alcance e envolvimento, a verdade é que o restaurante faturou €24. A menos que o Zé pergunte a cada cliente que fez um pedido como chegou até ele (o que pode não ser apropriado para uma transação tão baixa como esta), não há maneira de saber o reotrno exato que o restaurante teve com base nos esforços que investe em Facebook. Isto porque quando a experiência dum utilizador nas redes sociais se converte em word of mouth, torna-se mais difícil (se não que impossível) para a empresa ou marca conseguir medir.

Como é que uma empresa conseguer medir e analisar os seus esforços?

Deve testar as suas táticas ao longo do tempo e perceber quais obtiveram melhores resultados. Por exemplo, durante o decurso dos próximos meses esteja atento(a) aos seus resultados quando colocar publicações a diferentes horas, ou criar concursos ou promoções com vista a criar uma lista de emails.

Ao testar e analisar o desempenho das táticas que for empregando mês-a-mês, será capaz de perceber quais os esforços que lhe trarão melhores resultados.

Eis 4 pontos que o ajudarão medir estes esforços.

1. Use uma folha de Excel

Crie uma folha de Excel ou uma folha no Google Docs e tome nota destes elementos.

  • Data;
  • N.º total de Gostos na página;
  • N.º médio de visitas na Timeline (topo da sua página, em Estatísticas > Visitas);
  • N.º médio de Gostos orgânicos (topo da sua página, em Estatísticas, Gostos);
  • N.º médio de Cancelamento de Gostos (topo da sua página, em Estatísticas, Gostos);
  • N.º médio de Gostos pagos (topo da sua página, em Estatísticas, Gostos).

Com estes seis métricos terá uma boa ideia de como foi o seu desempenho quando os analisar no futuro.

2. Crie os seus links de rastreamento

As estatísticas Facebook apresentam-lhe uma série de dados, tais como Gostos, Partilhas, Pessoas envolvidas, entre outros. Para ir mais a fundo, terá de fazer uso de outras ferramentas. Eis algumas que poderá usar.

  • Pixéis de conversão do Facebook. Se faz anúncios, crie um pixel de conversão no gestor de anúncios do Facebook ou no Power Editor. Com o pixel de conversão conseguirá medir o retorno ao investimento dos seus anúncios.
  • Parâmetros Urchin Tracking Module (UTM) no Google Analytics. Estas são etiquetas personalizadas adicionadas no fim duma hiperligação, criando assim um link único. Quando tem um concurso ou promoção no Facebook e a publica no Facebook, ou através do email, pode usar aquela hiperligação única para cada tática que usar. No Google nalytics será então capaz de perceber os tipos de publicações estão a resultar em mais cliques da promoção que está a testar.
  • Improvely. O Improvely é uma versão mais terra-a-terra do Google Analytics, onde pode criar mais facilmente as tais hiperligações com código de rastreamento, permitindo saber as conversões e faturação dos seus esforços Facebook.

3. Grave os resultados da sua promoção

Após cada mês, dê uma espreitadela na folha Excel (ou Google Docs) que criou anteriomente. Acrescente estas colunas e grave os resultados do mês.

  • N.º total de entradas e/ou leads obtidas;
  • Custo total da promoção (inclua gasto em anúncios, valor do prémio e outros custos envolvidos);
  • N.º total de vendas ou conversões;
  • Valor das vendas ou conversões (ganhos obtidos);
  • Tipo e quantidade de conteúdo gerado pelos utilizadores;
  • Outras notas ou comentários que queira adicionar.

4. Avalie, meça e teste continuamente

Faça uma instropeção sobre as táticas que empregou. Na sua análise, descubra o que está a funcionar ou não está.

Continue a analisar e testar as suas táticas, e não caia na tentação de querer imitar táticas dos concorrentes, porque mesmo na mesma indústria, o seu caso pode ser diferente, e ao não pensarmos que sabemos tudo é que estamos preparados para aprender.

Que táticas posso usar?

Apresento algumas ideias de táticas que pode implementar no Facebook, para então poder fazer uso dos 4 pontos anteriores para medir os seus resultados e saber se os seus esforços estão a compensar.

  • Apresente um cupão/desconto exclusivo a fãs;
  • Organize um concurso de votação de fotos;
  • Disponibilize um guia/ebook descarregável após os fãs se registarem com email;
  • Possibilidade de ganhar um prémio após completarem um questionário.

Conclusão

Não é possível conseguir medir tudo a 100% de precisão, especialmente numa rede social como o Facebook. Ainda assim, com base nas dicas deste artigo, saberá agora como medir, testar e analisar diferentes táticas no Facebook para conseguir perceber se os seus esforços compensam.

Gostou do artigo?

Receba conteúdo de marketing e ferramentas para aumentar as vendas e crescer a sua empresa.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post comment

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.