Os websites são como que contentores para o conteúdo. São uma combinação de design e programação que apresenta texto e imagens aos seus visitantes.

O que deverá colocar no seu website? Que conteúdo funciona melhor? Qual o que não funciona? Este artigo vem mostrar quais as quatro coisas a colocar no seu website e as três coisas que deve remover o quanto antes.

1. Respostas às 4 questões mais importantes

Enquanto está a ler estas linhas, alguém, algures na web, está a pesquisar pelos seus produtos ou serviços. Estão à procura de respostas, e quem contactar. Mais de 50% das decisões de compra são feitas antes duma pessoa contactar um vendedor.

Se o seu website não responde às questões deles rapidamente, as pessoas irão para outro sítio para encontrar as respostas que estão à procura. O seu website deve responder a estas questões.

Quais são então as perguntas?

  1. Custo – “Pode-me dar uma ideia de quanto custa, valores?”
  2. Comparação – “Como é que isto se compara com outras opções/concorrência?”
  3. Avaliações – “O que é que os outros dizem sobre este produto/serviço?”
  4. Melhor – “Quais os melhores produtos/serviços nesta categoria?”

Estas são as quatro perguntas mais frequentes que os seus utilizadores se colocam a eles próprios, e que querem ter esclarecidas ao chegar ao seu website. Pode adicionalmente enviar questionários para os seus visitantes e clientes para perceber se eles terão mais perguntas ou medos específicos relacionadas à sua atividade.

2. Tópicos que as pessoas não encontram

Se tem uma caixa de pesquisa no seu website, então tem uma ferramenta para ouvir os seus visitantes. Desde que a Pesquisa no site esteja definida no Analytics, poderá ver o que os visitantes estão a ver. Pode também ver aquilo que eles não estão a encontrar.

Isto é importante porque mostra o que é que está a deixar os utilizadores do seu website insatisfeitos. Eis como saber isto. Entre no seu Analytics e siga estas instruções.

  1. Ver Comportamento > Pesquisa de Site > Termos de Pesquisa
  2. Clique em “Dimensão secundária” no dropdown acima dos termos de pesquisa
  3. Na Dimensão secundária selecione Comportamento > Página de Saída
  4. Procure por termos que mostram a URL dos resultados de pesquisa como sendo a página de saída, tais como /search-pages.

Se a página de saída foi a página dos resultados de pesquisa, então o visitante não encontrou aquilo que ele estava à procura. Ou a sua ferramenta de pesquisa está a funcionar mal ou os seus visitantes estão-lhe a dizer algo: coloque essa informação no seu website.

Dimensão secundária e Comportamento > Página de saída

3. Fotos de si e da sua equipa

Fotos reais, não aquelas de bancos de dados de imagens. Coloque caras das pessoas que trabalham consigo. Os seus empregados e colaboradores são únicos para a sua empresa. Mostre-os na secção do Sobre ou da “bio” da equipa. Isto traz benefícios a nível de tráfego e conversões pois as pessoas encaram a sua empresa como mais humana.

Redes sociais – os visitantes não estão a interagir com um website sem cara. Imagens de pessoas incentiva comentários, likes, seguimentos e partilhas.

Otimizaçao pesquisa – os websites muitas vezes posicionam-se para os nomes dos membros dos seus colaboradores, mas apenas se houver uma página por pessoa. Não funciona se houver uma página com todos.

Taxa de conversão – ao ter um rosto com nome no seu site, cria confiança no utilizador, e isto gera mais contactos e vendas.

Seja mais pessoal, especialmente se for um pequeno negócio, pois terá uma vantagem mais humana ao apostar na mostra dos bastidores da sua equipa.

As grandes empresas tentam parecer pequenas, e as pequenas tentam parecer grandes. Mas o que interessa é que elas pareçam mais humanas.

Clique para tweetar

4. Conte a sua história e a sua paixão

Porque é que a sua empresa está no ativo? Qual é o seu propósito? No que é que acredita? Ao que é que se opõe? O que o levou a começar? Porque é que isso é importante.

Use estas perguntas para contar a sua história e mostrar a sua paixão. As caras das pessoas e a sua história ajuda as pessoas a ligarem-se mais profundamente à sua marca. É por isso que eles clicaram no “Sobre nós”. Portanto mostre a sua história e a sua paixão no website. Coloque isso na sua página “Sobre” e se possível, use vídeo.

3 coisas para remover no seu website (agora)

Agora que tem as quatro boas coisas que deve adicionar, está na altura de remover as coisas más. Eis três coisas que NÃO deve colocar no seu site.

  1. Não escreva parágrafos com mais de cinco linhas – a maioria dos visitantes do seu website andam pelas páginas à procura de conteúdo relevante. Parágrafos pesados com muitas linhas são normalmente passados por cima. Escreva parágrafos curtos se quer que o seu conteúdo seja lido.
  2. Tire a página de testemunhos do menu – os comentários dos seus clientes geram boa prova social, mas os visitantes não vão ao seu website para ir ler a página dos testemunhos. Em vez duma página dedicada, espalhe os testemunhos pelo website.
  3. Livre-se do “somos os melhores” – ninguém gosta de convencidos. Não olhe para o seu umbigo.

    Concluindo

    Ao adicionar estas quatro coisas ao seu website, e removendo as outras três que sugeri, irá estar a dar ao seu público-alvo aquilo que eles querem e terá baixas taxas de ressalto e alto tempo de permanência no seu sie.

Gostou do artigo?

Receba conteúdo de marketing e ferramentas para aumentar as vendas e crescer a sua empresa.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post comment