Marca

A marca é um fator vital em todos os negócios, não importa quão grande ou pequeno o negócio é. Uma marca, não é só um logótipo que transmite os seus valores ou a experiência relacionada com o seu negócio. Quanto mais claro estiver o valor do seu negócio para as pessoas, mais atraente se torna. Eis 5 dicas para criar uma marca memorável:

1. Qual é a sua proposição de valor?

O que a sua empresa faz, e o que tem para oferecer para as pessoas? Por exemplo tem uma pastelaria que confeciona doces conventuais, e o seu produto são doces conventuais de luxo.

Agora pense sobre isto a partir da perspetiva dos potenciais clientes. Porque a sua proposição de valor é interessante para eles? E qual o valor, tanto monetário como emocional, que eles podem encontrar na proposição de valor do seu negócio e marca?

2. Qual é o seu propósito?

A maioria das empresas tem como objetivo fazer lucro – sem lucro, o seu negócio não pode continuar – mas é esta a única razão para o seu negócio existir? Porque é que o seu negócio foi criado? Pode ter sido por desemprego, oportunidade de negócio, pode ser uma paixão, ou pode ser por uma lacuna potencial no mercado.

Considere por que o propósito do seu negócio será do interesse de qualquer pessoa. Se você quer desenvolver um relacionamento com os clientes, então é cada vez mais importante que a sua empresa tenha um propósito – além de ter lucro – para que as pessoas se relacionem e se sintam envolvidas.

3. Qual é a sua personalidade?

Uma das coisas que faz com que o seu negócio seja original é a forma como você faz o seu trabalho e como você se relaciona com os seus clientes. Qual é que é a experiência que as pessoas têm ao trabalhar consigo e em entrar em contacto com o seu negócio, e qual você espera que seja? Você pode-se orgulhar do seu pragmatismo, ou o seu negócio pode ser conhecido pela sua abordagem divertida.

A experiência que as pessoas têm consigo vai moldar a opinião deles em relação a si e mais importante como eles vão falar sobre você para os amigos e nas redes sociais. Que impressão você quer deixar nas pessoas?

4.Quem é o seu público-alvo?

Comece por ser o mais específico possível – um público muito amplo vai prejudicar a sua capacidade de identificar o seu público-alvo. O que você acha que o seu público-alvo está à procura? Considere fatores do seu público-alvo como a localização, nacionalidade, situação financeira ou o tipo de negócio onde estão.

Ter uma ideia clara acerca do seu mercado alvo é essencial para desenvolver uma estratégia de mercado direcionada ao seu público-alvo. Mantenha-se consciente que o seu mercado está sempre a mudar e a evoluir, o seu público-alvo hoje pode não ser o mesmo daqui a um ano.

5. Quem são os seus concorrentes?

É improvável que o seu produto ou serviço seja único no mercado, qual é o seu concorrente mais direto? Considere que a sua concorrência poderá não estar a oferecer exatamente o que você oferece, mas pode ser algo que atrai o mesmo público-alvo. Analise a sua concorrência tanto local como a nível nacional.

Ao analisar a sua concorrência pode identificar o que eles fazem que você não faz, pode analisar como eles se apresentam, tanto em conteúdo escrito como visualmente. Certifique-se que analisa e sabe quais são os seus concorrentes, é útil saber onde você é diferente onde se destaca dos seus concorrentes, e em que áreas pode ter uma vantagem competitiva.

Estas cinco dicas vão ajudar a ter um ponto de partida para desenvolver uma melhor compreensão do seu negócio e marca. Uma marca forte não é um luxo é uma exigência para um negócio bem-sucedido.

Design logótipo
Logótipos para empresas
a partir de €200

Gostou do artigo?

Receba conteúdo de marketing e ferramentas para aumentar as vendas e crescer a sua empresa.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post comment

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.