Gráfico a ir para cima (com cartoon)

Já visitou um website e ficou absolutamente entediado?

Bem-vindo(a) à internet 🙂

Infelizmente, muitos websites de pequenas e médias empresas são como que catálogos aborrecidos a falar só sobre a empresa.

Lembra-se do Galileu? Aquele tipo que afirmou que era o sol que girava em torno da Terra (heliocentrismo) e que quase foi morto pela Inquisição?

Galielo Galilei defendendo-se perante a Inquisição

Galielo Galilei defendendo-se perante a Inquisição


O website afinal é para quem?

O seu website tem de girar em torno do cliente, não de você.

O cliente não quer saber que você tem um curso XPTO da Universidade Não Sei das Quantas. Aquilo que eles querem saber é encontrar uma solução para o problema deles.

Websites aborrecidos e estáticos são muito mais comuns do que os bons websites que funcionam. A maioria dos empreendedores(as) ou pequenas e médias empresas tem de dar uma reviravolta no website deles de forma a transformar o seu “blá blá” aborrecido num “tã-rãããã” espetacular e envolvente.

ouriço cacheiro com braços abertos

Ainda há esperança. Há soluções simples e imediatas que pode começar a implementar de forma a mandar os seus potenciais clientes no seu website e convertê-los em clientes pagadores.

Para tal, eis uma lista de cinco pontos de como pode transformar o seu website.

1. Tenha um propósito claro

Quando um visitante aterra no seu website, o seu propósito tem de ser claro.

Quer que o prospeto digite o seu nome e email num formulário? Ou está a tentar vender-lhe algum produto ou serviço? Está interessado em educar e acompanhar (nurturing) o seu potencial cliente ao longo do tempo?

O seu deve estar desenhado para guiar eficientemente os seus visitantes para a informação que eles estão à procura. Ele deve ter um propósito claro e objetivo.

No mercado saturado que é a internet, você só tem 2 ou 3 segundos para captar a atenção do prospeto. Se o seu visitante está confuso, nem que seja um bocadinho, ele vai-se embora do seu website e vai à procura de outra solução.

2. Destaque os seus benefícios

Um potencial cliente visita o seu website de forma a resolver um problema ou melhorar a vida dele(a). A sua função é convencê-lo(a) dos benefícios que o prospeto irá obter quando comprar o seu produto ou requisitar o seu serviço.

O seu produto vai tornar o seu potencial cliente mais contente? Vai-lhe poupar tempo? Vão ter mais saúde ou mais rendimentos? É importante que faça transparecer ao seu potencial cliente de que se comprarem de si, eles irão receber algum tipo de benefício óbvio.

3. Simplifique

O tempo é o nosso bem mais valioso. Os seus visitantes estão à procura duma solução para os seus problemas, e querem encontrá-la agora. Não têm tempo para andar a navegar pelo seu website à procura duma resposta.

Mantenha a sua [tooltip title=”web copy”]o texto do seu website[/tooltip] concisa e eficaz. Deve usar parágrafos curtos com listas em formato de bala (bullet points) e fazer uso esporádico de negritos, itálicos e sublinhados em termos de destaque, apenas onde necessário.

4. Dê-lhes uma razão para confiarem em si

Quando alguém aterra no seu website, faça com que eles se possam conectar a si e à sua marca e aumentar a confiança para consigo. Certique-se que a sua informação de contacto se destaca e é fácil de encontrar.

O seu website não deve ter erros de gramática ou de ortografia. A nível visual, o seu website deve dar o aspeto de uma empresa ou projeto com sucesso.

Estudos nesta área mostram que a confiança tem de ser criada para que um potencial cliente queira lhe dar os seus dados ou fazer uma compra.

5. Apresente algo irresistível

Não interessa quão espetacular o seu website possa ser, pode levar várias visitas e exposições para com a sua marca antes de alguém se sentir preparado para comprar. Por isso é importante captar os nomes e emails dos seus visitantes para que consiga continuar a comunicar com eles daí para a frente.

Mas isso não quer dizer que basta montar um formulário no seu website e esperar que os visitantes lhe entreguem os seus dados de bandeja.

Tem de apresentar uma oferta irresistível em troca do nome e email deles (eis um exemplo). Deverá ser algo que eles estariam dispostos, em teoria, a pagar para obter isso. Poderá ser um relatório da indústria, ou um [tooltip title=ebook]livro digital[/tooltip] educacional ou um mini-questionário que os ajude.

Ao dar algo gratuito, que seja interessante e útil aos seus visitantes, irá mais facilmente obter os dados deles para que os consiga “agarrar” para uma estratégia a longo-prazo.

Conclusão

Há várias formas de manter os seus potenciais clientes envolvidos com o seu website para os converter em clientes satisfeitos e pagadores.

Ao dar uma reviravolta no seu website com um propósito claro, benefícios específicos, mantendo as coisas simples, criando confiança e apresentando uma oferta irresistível, vai dar consigo rapidamente com uma vaga de vendas e clientes satisfeitos.

Gostou do artigo?

Receba conteúdo de marketing e ferramentas para aumentar as vendas e crescer a sua empresa.


Notice: presscore_display_share_buttons_for_post foi chamada incorrectamente. Function is deprecated, use the7_display_post_share_buttons instead. Por favor veja Depuração no WordPress para mais informações. (Esta mensagem foi adicionada na versão 7.8.0.) in /home/joaoxgaz/public_html/wp-includes/functions.php on line 4986

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post comment