A maioria dos profissionais tem um perfil LinkedIn, e a empresa afirma que ultrapassou os 100 milhões de utilizadores registados.

Muitos comerciais e empresas B2B usam-no juntamente com outras ferramentas de prospeção, mas infelizmente muitas pessoas que usam estas plataformas não estão a tirar bom partido delas.

Por exemplo, a maioria dos comerciais B2B até podem ter contas LinkedIn, mas apenas se orientam para ter o maior número de contactos possíveis.

Talvez se estejam a conectar a líderes de opinião e a encontrar responsáveis das empresas, mas é aí que termina o trabalho deles no LinkedIn.

Se usa o LinkedIn apenas como uma ferramenta de se ligar ao maior número de pessoas, é como ir a eventos distribuir cartões de contacto como um louco. Pode ter a informação de contacto das outras pessoas, mas não está a fazer nada para beneficiar dessa relação.

Vamos supor que conheci um prospeto que pode ainda não estar pronto para se envolver comigo ainda, mas reconhece que tem um problema que a minha solução pode resolver.

Eu ligo-me à pessoa no LinkedIn para me manter em contacto com ela, mas espero alguns meses antes de a contactar de novo como ela me pediu. Não há problema em fazer isto, é bom crescer a nossa network. No entanto, se apenas me ligo a ela no LinkedIn, não estou a fazer nada para avançar este relacionamento.

Se no entanto eu continuar a partilhar conteúdo com a minha rede no LinkedIn:

  • é provável que irei aparecer na feed de notícias do LinkedIn dela
  • permite manter-me no radar dela sem ter de enviar emails “lembretes”
  • se partilhar bom conteúdo, estou a demonstrar valor e diferenciação para a minha solução
  • se o meu prospeto partilhar conteúdo, tenho a oportunidade de me envolver ao comentar no que ela partilha

Um dos factores na partilha de conteúdo é definir-se como um curador de informação na web. Torne as coisas fáceis ao manter-se ao corrente do que os outros estão a publicar.

3 formas de encontrar conteúdo no LinkedIn

1. O blogue da sua empresa
A sua empresa provavelmente tem um blog no qual publica artigos. Verifique se está subscrito a ele para que saiba quando novo conteúdo é publicado. A maioria dos blogs têm botões de partilha para partilhar o conteúdo.

2. Siga os outros
Faça uso do conteúdo que os outros partilham socialmente. Re-publique e partilhe nas suas próprias redes e agradeça-os pelo conteúdo.

3. Líderes de opinião na sua indústria
Siga os líderes de opinião na sua indústria, subscreva o blog deles. Assim quando eles colocam conteúdo, será notificado e poderá partilhar facilmente o mesmo na sua rede.

Partilhar conteúdo permite-lhe levar o LinkedIn ao próximo nível, para além de apenas uma ferramenta de se ligar aos outros. Poderá assim usá-lo como meio para ter uma razão para se envolver com potenciais clientes.

Se quer usar as redes sociais como parte do seu ciclo de vendas, isto é importante. Tire partido das oportunidades que o LinkedIn lhe permite ter não apenas para se conectar, mas para se envolver com os seus clientes e prospetos.

Gostou do artigo?

Receba conteúdo de marketing e ferramentas para aumentar as vendas e crescer a sua empresa.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post comment