Content Marketing - 4 estatísticas a medir

Saber como usar o Google Analytics é a 1.ª competência que uma marca ou content marketeer tem de ter se quiser ter algum sucesso. O Google Analytics é a ferramenta de eleição que nos diz o que precisamos saber sobre os nossos websites.

É assim que sabemos como os utilizadores se comportam na nossa página, quais as páginas mais visitadas, quais aquelas que eles abandonaram (porque não encontraram o que estavam à procura), produtos que têm mais sucesso, entre outros.

Infelizmente, é mesmo esse um dos problemas do Google Analytics: disponibiliza muita informação, e as empresas ficam sem saber o que procurar, não sabem interpretar os dados ou como sequer usar os métricos para melhorar a sua estratégia.

Mas nem toda a informação é necessária. Há alguns métricos (estatísticas) que são mais importantes que as outras e que nos dão uma ideia se o seu content marketing (marketing de conteúdos) está a funcionar como devia.

Por isso, vamos às 4 estatísticas que tem de saber…

1. Duração média da sessão

A melhor forma de saber se os leitores estão a ver e a ler os artigos é ao analisar a “duração média da sessão”. A duração média da sessão é a estatística que descreve a média de tempo que uma pessoa passou no seu site numa única sessão.

Este valor é alto quando o conteúdo dos seus artigos é bom, já que as pessoas passarão mais tempo a ler um artigo quando este lhes agrega valor ou responde à pergunta ou dor que tinham, que foi o que os motivou a “aterrar” no artigo.

Onde encontrar a Duração média da sessão?

A Duração média da sessão encontra-se no seu painel de Google Analytics em “Todos os Dados do Website”.

Entre na sua conta Google Analytics, e se tiver mais que uma propriedade (websites), escolha aquela propriedade que ver ao selecionar “Todos os Dados do Website”. Ou simplesmente clique em “Relatórios” no topo da página.

Duração Média da Sessão Google Analytics

Como melhorar a duração média da sessão?

Infelizmente não há um botão mágico que se carrega para melhorar a duração média da sessão. Para aumentar a quantidade de tempo que um utilizador passa na sua página:

  • Crie conteúdo apelativo que as pessoas querem ler;
  • Coloque links para conteúdo relevante (interno) nos artigos.

Com bom conteúdo e links para outros artigos no seu site que tenham conteúdo complementar e relevante ao artigo que eles estão a ler, os leitores irão andar de artigo em artigo, e a sua duração média da sessão irá melhorar.

2. Taxa de rejeições

A taxa de rejeições é a percentagem de utilizadores que visita apenas uma página antes de sair do seu site.

A sua taxa de rejeições (bounce rate) deve ser o mais baixa possível porque os visitantes que passam mais tempo no seu site e visitam mais páginas têm tendência para serem melhores leads e terem mais interesse naquilo que o seu negócio lhes tem para apresentar.

Onde encontrar a taxa de rejeições?

A taxa de rejeições encontra-se no seu painel de Google Analytics em “Todos os Dados do Website”. Ou clique em “Relatórios” para ver, e estará por baixo da duração média de sessões.

Quanto mais pequena a percentagem, melhor. Significa que por cada 100 utilizadores, 64,61% saiu do seu website após ter visitado uma única página.

Taxa de rejeições no Google Analytics

Como melhorar a taxa de rejeições?

A taxa de rejeição está dependente da qualidade do seu conteúdo, mas há maneiras de melhorar a taxa de rejeição:

  • Inclua links para outros artigos relevantes no seu site;
  • Verifique se cada página de destino e artigo tem uma boa call-to-action;
  • Crie páginas de destino à parte para campanhas de PPC (cliques) específicas

3. Novos utilizadores (e repetentes)

Não vale a pena passar tempo a criar bom conteúdo se não sabe quantas pessoas o estão a ver.

“Utilizadores” é o número de pessoas que viram o seu website. Novos utilizadores são o número de pessoas que viram o seu website pela primeira vez; e utilizadores repetentes são aqueles que voltaram ao seu website de novo.

Cada novo visitante pode ser uma nova lead ou venda para o seu negócio, enquanto cada visitante repetente pode ter mais confiança em si no seu conteúdo.

Se a percentagem dos seus novos utilizadores é maior que 50%, está a fazer um bom trabalho em atrair novos prospetos para o seu site. Se a percentagem dos seus visitantes repetentes é maior que 50%, também está de parabéns, pois significa que está a reter os prospetos e a ganhar a confiança destes.

Onde encontrar novos utilizadores e repetentes?

Utilizadores é uma estatística que encontra-se no seu painel de Google Analytics em “Todos os Dados do Website”, ou ao aceder a Relatórios.

O número dos utilizadores é o número total de endereços únicos de IP que acederam ao seu site. Os novos utilizadores, assim como os repetentes, estarão num gráfico circular do lado direito.

Utilizadores no Google Analytics

Como aumentar n.º de Utilizadores?

Para aumentar o número de utilizadores:

  • Crie campanhas de publicidade online pay-per-click (Adwords, Bing Ads, Facebook Ads);
  • Crie campanhas de publicidade offline (correio direto, outdoors);
  • Coloque links para os seus artigos nas suas publicações das redes sociais;
  • Escreva um artigo para outro blog como autor convidado, com um link para um dos seus artigos.

Para aumentar o número de utilizadores repetentes:

  • Crie conteúdo relevante e útil para as pessoas;
  • Promova o seu blog/conteúdo nas redes sociais via publicações e/ou anúncios;

4. Pesquisa orgânica: sessões

As sessões da pesquisa orgânica são as suas leads geradas a partir do tráfego de pesquisa orgânico, também chamado tráfego “natural”, pois vem dos resultados de pesquisa que não são pagos (por cliques, como o Adwords ou Facebook Ads).

Estas são as pessoas que estão à procura de respostas para as suas perguntas, ou soluções para os seus problemas.

São estas as pessoas que chegaram ao seu website vindas de alguma pesquisa que fizeram nos motores de busca, na esperança de ter a resposta ou solução para o que procuram.

Onde encontrar as sessões de pesquisa orgânica?

As sessões de pesquisa orgânica estão no seu painel principal de Google Analytics, em Aquisição > Descrição geral.

Aqui poderá comparar a pesquisa orgânica (Organic Search) com os outros canais de angariação de tráfego para o seu website, como o tráfego direto (direct), social (redes sociais) e referral (referências externas).

Pesquisa orgânica no Google Analytics

Como melhorar as sessões de pesquisa orgânica?

Crie conteúdo que responde à pergunta ou dor das pessoas. O seu conteúdo não deve ser criado por “feeling”, mas sim ao tomar uma abordagem estratégica.

Crie conteúdo baseado naquilo que as pessoas estão à procura. Vá ao Planeador de Palavras-Chave da Google e veja o volume das keywords relevantes para o seu negócio. Veja como usar o planeador de palavras chave.

Ao saber aquilo que as pessoas pesquisam, crie conteúdo baseado nos termos mais pesquisados, para tirar mais dividendos.

Se usar o WordPress como o seu gestor de conteúdos, pode usar ferramentas como o All in One SEO ou Yoast SEO Plugin para identificar a palavra-chave na qual se quer focar, e analisar o conteúdo do seu artigo em termos de SEO (Search Engine Optimization).

Com bom SEO, o seu conteúdo aparecerá melhor posicionado nos resultados de pesquisa dos motores de busca, e eventualmente atrairá mais pessoas, aumentando assim as sessões de pesquisa orgânica.

O Google Analytics não tem de ser um bicho de 7 cabeças. Se sabe quais os métricos e estatísticas a seguir, saberá como melhorar a sua estratégia de marketing de conteúdos.

Gostou do artigo?

Receba conteúdo de marketing e ferramentas para aumentar as vendas e crescer a sua empresa.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post comment