Dependendo da sua atividade, indústria, website e objetivos, uma campanha de remarketingfuncionalidade que permite alcançar pessoas que tenham visitado o seu site anteriormente e apresentar-lhes anúncios relevantes (recomercialização) pode tomar muitas formas e feitios, mas uma coisa que está clara é que desde que o remarketing foi disponibilizado no Adwords em 2010, que sabemos que é uma funcionalidade que está cá para ficar.

Talvez já saiba que o remarketing é uma opção de segmentação da rede de display que permite re-interagir com utilizadores que visitaram o seu website anteriomente. Como estes visitantes já interagiram com a sua marca e o seu website, por vezes já estão mais avançados no funil de vendasfunil que guia potenciais clientes ao longo do processo até à venda quando comparado com um visitante que nunca esteve no seu website.

remarketing explicado em imagem

Antes de ler o resto do artigo, se ainda não usa o Google Adwords, poderá aprender sobre os Fundamentos marketing: Google Adwords

Da nossa experiência a gerir contas de clientes, recomendamos a todos correrem uma campanha de remarketing para ajudar a manter a sua marca fresca na mente dos seus visitantes recentes. Se ainda não está a correr uma campanha, não se preocupe, apenas siga estes passos simples e terá uma campanha de remarketing a correr ainda hoje.

1. Gere e instale o código de remarketing

No Adwords, vá a Biblioteca partilhada > Públicos-alvo > Criar remarketing para receber o código e instruções de instalação no seu website (deverá ser colocado em todas as páginas). Pode definir os seus parâmetros de segmentação mais tarde, não sendo necessário colocar etiquetas em páginas individuais com o código.

audiencia_adwords_ilustracao

2. Saiba para que quer o remarketing

Há muita coisa que pode ser implementada, mas depende daquilo que vai ser apropriado para a sua empresa. Neste artigo apresento uma das estratégias mais básicas de segmentar todos os visitantes do website que não fizeram uma ação de conversão (ex.: preenchimento de formulário), envolvendo uma campanha remarketing.

3. Agora, crie listas de remarketing

No separador Públicos-alvo, pode segmentar as suas campanhas ao incluir ou excluir qualquer grupo de visitantes ao definir pontos de envolvimento que eles preencheram ou completaram no website. Neste exemplo, precisamos de clicar em + Lista de remarketing para criar uma nova lista para todos os visitantes que concluíram uma conversão.

Criar lista de remarketing

Se uma conversão é medida quando o utilizador visita a página de /obrigado.html, você irá definir esta lista usando essa página e dar-lhe um nome apropriado, como “Conversões”.

4. Criar Combinação personalizada

De forma a segmentar os visitantes que não se converteram, faça um cálculo simples ao usar as duas listas de remarketing, “Todos os visitantes”, e “Conversões”. Clique de novo em + Lista de remarketing mas desta vez seleciona Combinação personalizada.

Combinação personalizada no remarketing

Nas opções, defina a segmentação para o seguinte:

  • qualquer um destes públicos-alvo: Todos os visitantes
  • nenhum destes públicos-alvo: Conversões

Dê um nome apropriado a esta combinação personalizada, como “Visitantes não convertidos”.

5. Crie uma nova campanha para remarketing

No Adwords, navegue para trás para “Todas as campanhas online” e crie uma campanha “Apenas na Rede de Display”, selecionando Remarketing como tipo de campanha.

opções rede de display

Siga os passos no Adwords para iniciar a sua campanha e selecione a sua Combinação personalizada na altura de escolher a segmentação.

Dê à sua campanha um nome relevante, assim como o fez para as listas de remarketing e as combinações personalizadas. Ter uma boa organização agora pagará dividendos mais tarde, a nível de tempo, sanidade mental e receitas.

6. Meça e otimize

As suas campanhas de remarketing, assim como as suas campanhas normais, deverão ser encaradas como um trabalho em contínuo. O texto que se escreve nos anúncios dá lugar um ciclo interminável de testes e medições de forma a melhorar o [tooltip title=”CTR”]Click-through-rate (rácio de cliques)[/tooltip] e o rácio de conversões, acompanhando de perto as mudanças às licitações das palavras-chave, entre outros.

Estratégias alternativas ao Remarketing

Este artigo é a ponta do icebergue daquilo que se pode fazer com o remarketing. Ao usar listas de remarketing no Google Analytics, pode segmentar utilizadores baseado em métodos adicionais de envolvimento. Aqui estão algumas coisas para pensar, de entre as várias possibilidades existentes.

Segmentar utilizadores que não se converteram e

  • Adicionaram um produto ao carrinho
  • Viram um vídeo
  • Visitaram a página dos Contactos
  • Visitaram o blog
  • Não visitam o blog
  • Visitaram o website mais de 5 vezes

Segmentar utilizadores que se convertarem e

  • Compraram algo acima de €100
  • Encomendaram um produto gratuito mas não pagaram subscrição
  • Converteram-se há mais de 30 dias
  • Compraram uma consola mas não um comando

Às vezes é mais o conhecimento e criatividade que tornam uma campanha de remarketing uma bomba de eficácia. Pense como os visitantes ao seu website e imagine o que fez com que eles deixassem o seu website na visita que fizeram anteriormente e o que é que você pode fazer para voltar a interagir com eles. Se não pensar assim, esteja descansado que a sua concorrência o está a fazer, com a nossa ajuda 🙂

>> Artigos de interesse.
Fundamentos marketing Google: Adwords
Fundamentos marketing Google: Analytics
Fundamentos marketing Google: Planeador Palavras-Chave
Como fazer uma campanha de Remarketing Google
Como usar a Rede de Display da Google

Gostou do artigo?

Receba conteúdo de marketing e ferramentas para aumentar as vendas e crescer a sua empresa.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post comment

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.