Dicas design logotipo

A receita para um logótipo perfeito não existe, mas o conhecimento das características que distinguem um bom design logótipo de um mau logótipo, permitirá que se aproxime de um excelente logo.

Neste artigo, vou mostrar as regras subjacentes ao design de algumas das marcas mais espetaculares do mundo.

Reconhecimento é tudo

Os melhores logótipos comunicam toda a imagem da marca durante décadas.

O logótipo da Mercedes transmite luxo, com um tipo de letra elegante e um símbolo geométrico e abstrato.
Logotipo Lego e Mercedes
O logótipo da lego, incorpora a alegria das crianças a brincarem com as suas peças.

Os logótipos mais famosos têm uma história a contar e isso torna-os únicos e memoráveis.

A simplicidade é a chave para o sucesso

O que os logótipos mais reconhecidos do mundo têm em comum? Por exemplo, o “M” do McDonald’s, o “visto” da Nike, ou a maçã da Apple com uma dentada. Todos são extremamente simples.

“A única ordem no design de logótipos é que eles sejam distintos, memoráveis e claros”. – Paul Rand

Um bom logótipo é original, mas não é exagerado. Um logótipo extremamente complexo não vai tornar a sua marca mais sofisticada.

Transmitirá apenas que o designer não entendeu o significado da simplicidade.
Exemplos logótipos antes e depois

Versatilidade

Um logótipo deve funcionar bem em todos os formatos possíveis: pequeno e grande, em preto e branco (positivo/negativo), vertical e horizontalmente.

Deve ser igualmente eficaz quando exibido em diversos meios, smartphones, tablets, monitores e publicidade impressa.
Logótipos versáteis
Verifique se o logótipo é reconhecível depois de inverter as cores e diminuir o tamanho. Veja como fica em versão favicon ou num tamanho grande. Não tenha medo de fazer diferentes versões do seu logótipo (os logos também são responsivos).

Um bom logótipo deve ser intemporal

Um bom logótipo e eficaz não se baseia nas tendências atuais do mercado. São trabalhos intemporais, os seus designers, graças à sua experiência, podem prever se o logótipo ainda será atual depois de 10, 20 ou 50 anos.
Evolução do logótipo BMW
O logótipo da BMW é um exemplo disso. O logótipo original foi criado em 1916 e mudou muito pouco desde essa altura. O estilo continua a ser alterado de acordo com a época, mas o conceito é o mesmo.

6 regras seguidas por designers de logótipos

1. Comece a preto e branco

No início as cores são de importância secundária. Além disso, elas podem tirar a atenção das pessoas do próprio logótipo. A maioria dos logótipos mais memoráveis, começam a ser criados com desenhos e esboços a preto e branco.

2. Use no máximo três cores

Exemplos de bons logótipos que quebrem esta regra, são raros. Não tente fazer uma exceção 🙂 a realidade mostra que não vale a pena.

Guia de cores logótipos

Paradoxalmente, um logótipo intemporal que seja fácil de memorizar é muito simples e tem uma ou duas cores.

Saiba mais sobre a importância da cor no design de um logótipo aqui.

3. Use uma ou duas fontes

Para manter o seu logótipo simples, pode querer limitar o seu design a um ou dois tipos de letras. Dependendo da área do seu negócio, use fontes com linhas fortes ou suaves.

4. Escolha prático em vez de originalidade

O seu logótipo precisa ser facilmente lembrado. Um bom design de logótipo deve ser fácil de descrever ao telefone.

Um bom logótipo deve ser fácil de descrever ao telefone.

Algo que fique na memória de alguém não deve ser muito complicado. Escolha sempre prático em vez de originalidade. Menos é mais.

5. Evite detalhes desnecessários

Remova qualquer coisa que seja desnecessária do seu projeto. O logótipo ideal não é aquele a que não pode ser adicionado mais nada. O melhor é aquele que não pode ter um único elemento removido.

6. Não use logótipos “pré-fabricados”

Não use vetores de sites de stock photos, cliparts ou logótipos pré-fabricados, grátis. Criar o seu logótipo a partir de modelos existentes, torna o seu logótipo não exclusivo e replicável.

Pode vir a ter uma parte do seu logótipo a ser usada nos gráficos dos seus concorrentes, ou até um concorrente com um logótipo igual.

4 Características que mostram amadorismo

Se está a procura de um designer para criar o seu logótipo, as dicas a seguir vão ajudá-lo/a a avaliar a eficácia do trabalho do seu designer.

1. Materiais cheios de defeitos

Os ficheiros do logótipo que vai receber não devem conter quaisquer imperfeições técnicas. As curvas não se devem sobrepor e devem ser tão suaves quanto possível, os pontos nodais devem ser minimizados. Se o logótipo for simétrico, então a simetria deve ser perfeita.

Lembre-se que a visualização de um logótipo num tamanho muito grande, por exemplo num camião, irá expor todos os possíveis erros e defeitos.

2. Monograma como ponto de partida

Muitas vezes, é difícil resistir à tentação de criar um logótipo com base nas iniciais da empresa, por exemplo o nome “Grupo Salgado” criar um logótipo com as iniciais “G” e “S”.

Embora pareça uma boa ideia é difícil transmitir informações com este tipo de logótipo. Este tipo de logótipo é bastante comum na indústria da moda, contudo nesta indústria têm enormes orçamentos de marketing. Existem exceções, mas os monogramas não funcionam para todas as indústrias.

3. Usar o acrónimo

É um erro tentar encurtar o nome de uma nova empresa para um acrónimo.

Esta estratégia, é usa por muitas empresas como a AOL, KFC, IBM, etc. No entanto, os nomes destas empresas tornaram-se acrónimos só depois de muitos anos no mercado e exposição dispendiosa.

4. Entregar logótipo só em ficheiro raster (bitmap)

Um logótipo criado no Photoshop ou no Gimp, não vai ser possível usar quando desejar aumentá-lo significativamente de tamanho. Um logótipo profissional, deve ser possível de ampliar sem perder qualidade e um ficheiro raster (bitmap) não vai permitir isso.

Ficheiro raster (bitmap)

Um ficheiro raster (bitmap) apresenta pixelização.


Um logótipo vetorial criado em software como Adobe Illustrator ou Corel Draw, vai possibilitar a reprodução da imagem em qualquer escala sem perder qualidade.

Diferença imagem vetor e raster

Diferenças entre imagens vetoriais e raster


Saiba mais sobre ficheiros raster (bitmap) e vetorial (que define pontos matematicamente) neste artigo.

Aqui na agência, entregamos aos nossos clientes o logótipo em vários formatos, incluindo o formato vetorial.

A DesignPT Agência Digital ajuda a comunicar o melhor que a sua marca tem às pessoas, de forma inteligente. Peça ajuda dum profissional, invista na sua imagem, obtenha bom design & branding.

Artigos relacionados:
4 Coisas a não fazer quando quiser um logótipo
Branding, Identidade e Logótipo, Quais as diferenças?
O que precisa saber antes de desenhar o seu logótipo
Como Desenhar o seu Logótipo
Checklist para um logótipo de sucesso
6 passos para um grande logo

Logótipo
Design logótipo profissional
a partir de €200

Gostou do artigo?

Receba conteúdo de marketing e ferramentas para aumentar as vendas e crescer a sua empresa.


Notice: presscore_display_share_buttons_for_post foi chamada incorrectamente. Function is deprecated, use the7_display_post_share_buttons instead. Por favor veja Depuração no WordPress para mais informações. (Esta mensagem foi adicionada na versão 7.8.0.) in /home/joaoxgaz/public_html/wp-includes/functions.php on line 4773

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post comment